Sinal verde para construção da barragem da sede de Aracruz

... Imagem: SECOM

O edital de licitação para a construção da barragem da sede de Aracruz foi publicado e é resultado do Termo de Cooperação Técnica celebrado entre o Estado do Espírito Santo, por intermédio da Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (SEAG), a Associação Movimento Empresarial Aracruz e Região (AMEAR) e o município de Aracruz.

O Termo de Cooperação produziu até agora as etapas que antecedem a obra, tais como estudos, elaboração dos projetos executivos, desapropriações, licenciamento ambiental, e, agora, a fase final que é construção da obra pelo Governo do Estado, através da SEAG. A barragem terá 151 metros de largura, 6 metros de altura, produzindo um reservatório de água de 1 bilhão de litros numa área de 29 hectares. O investimento está orçado em R$ 34,5 milhões.

Amadeu Wetler, diretor do SAAE Aracruz, explica que a função primordial da barragem é disponibilizar água para o cultivo agrícola e criação de animais em toda a sua área de abrangência. “A barragem possibilitará também o desenvolvimento do agroturismo nas propriedades de seu entorno, uma vez que ocorrerá um significativo embelezamento paisagístico numa região que é central no município. Além de todos os benefícios de uma barragem agrícola, disponibilizando água para irrigação e dessedentação de animais, o reservatório formado também servirá como uma reserva para o abastecimento em situações eventuais de crise hídrica”.

“A reserva hídrica se renovará todos os anos nos períodos de chuva na bacia do rio Piraquê-açú, entre novembro e março, disponibilizando água para os produtores no período seco, que ocorre de abril a outubro de cada ano, assegurando a produção agrícola”, destacou o secretário de Agricultura, Gelcimar Grippa. 

O diretor do SAAE acrescentou que “em situações de extrema crise, é uma disponibilidade que podemos, se necessário, utilizar, eventualmente para o abastecimento humano”.

Segundo o prefeito, Dr. Coutinho, o projeto é importante para o desenvolvimento social e econômico do município, tanto na área rural como na área urbana, uma vez que, além de assegurar água para as atividades rurais, a barragem poderá ser alternativa para o abastecimento humano em situações extremas, e isto tranquiliza todos os munícipes da sede. 

José Eduardo de Azevedo, secretário de Desenvolvimento Econômico, acrescentou que “a barragem também tranquiliza aqueles que querem empreender em Aracruz, pois os novos empreendimentos precisam ter a segurança hídrica, melhorando a atratividade da cidade para o desenvolvimento econômico”.

O prefeito finalizou agradecendo ao secretário da SEAG, Enio Bergoli, pela importante parceria entre o governo estadual e municipal na realização de obras e serviços que beneficiem a população. “Somando esforços faremos muito mais. Esses investimentos nas áreas de recursos hídricos visam a ampliação e melhoria da gestão hídrica no município, que em 2016 passou por um momento crítico com a falta d’água em vários mananciais, por isso, estamos dedicando grande esforço na promoção da segurança hídrica da cidade. Nosso muito obrigado ao governador Renato Casagrande e sua equipe de governo”.

Para o prefeito, Dr. Coutinho, o projeto é importante para o desenvolvimento social e econômico do município, tanto na área rural como na área urbana, uma vez que além de assegurar água para as atividades rurais, a barragem poderá ser alternativa para o abastecimento humano em situações extremas, o que tranquiliza os munícipes da sede.

Política de Privacidade e Cookies

Nós utilizamos cookies para otimizar e aprimorar sua navegação do site, manter uma melhoria contínua no conteúdo oferecido e aperfeiçoar a experiência de nossos usuários. Clique em aceitar ou continue navegando para concordar com tais condições.

Você não tem conta ainda? Registrar Agora!

Faça Login em sua conta